Largo São Bento campeão da Copa União de futebol Cinquentão.

1.Ecampeao

Largo São Bento F.C. e Comando E.F. se enfrentaram no jogo decisivo do título de campeão varzeano na categoria Cinquentão neste sábado doze de agosto. O local para essa grande festa do futebol varzeano foi novamente o Estádio varzeano do Juventude de Nova Cintra, local das grandes decisões, campo de futebol todo gramado e com alambrados para evitar invasões ou interferências de torcedores.

Centenas de torcedores subiram o Morro para assistir essa decisão e todos saíram muito satisfeitos com o que viram, futebol de categoria com muita garra e lealdade entre os atletas. No final a vitória foi do Largo São Bento, seus atletas e torcedores levantaram o troféu aos gritos de “o campeão voltou” e festejaram o título de campeão de futebol Cinquentão até o anoitecer no seu reduto, o samba da mangueira.

O jogo: No primeiro tempo um chute de João Carlos que passou a esquerda do gol e outro de Lapetina de fora da área que o goleiro Junior teve trabalho para defender foram as chances criadas pelo Comando. O Largo teve uma boa oportunidade aos 37 minutos num lance em que Maçarico rouba a bola de Lanza na intermediária, avança e serve a Neizinho que chuta e obriga o goleiro Beto a desviar para escanteio.

No segundo tempo o goleiro Beto do Comando fez duas defesas difíceis, primeiro em chute de Paulinho e no seu rebote chute de Ailton onde fez novamente a defesa. Aos vinte minutos o Largo São Bento abriu o placar, chute de Mabel acerta o travessão, a bola quica no chão e cai no pé de Neizinho que chuta fraco, mas a bola passa pelo zagueiro Carlinhos e pelo goleiro Beto e entra no canto direito. Largo um a zero. Três minutos depois quase o Largo amplia o placar num cruzamento alto de Eduardo na lateral esquerda Neizinho prepara a bola para Nêgo chutar rente a trave esquerda do Comando. Aos vinte e cinco o Comando empata o jogo, o lateral esquerdo Bira levanta a bola na área, Paulo Leme sobe e de cabeça serve João Carlos que chuta cruzado de esquerda sem defesa para o goleiro Joel. Quando tudo parecia levar a decisão do campeonato para a cobrança de penalidades o Largo São Bento conseguiu o gol que lhe daria o título já aos quarenta minutos do jogo. Escanteio pela esquerda, cobrança curta para Neizinho que alça a bola para a área, na disputa a bola bate no braço de Paulinho atacante do Largo, sobra para Ailton rolar para Eduzinho chutar no canto direito. O pessoal do Comando reclamou nesse lance uma falta não marcada pelo árbitro Camelo.

Os times:

Largo São Bento F.C. – Júnior (Joel), Pelado (Vado), Pintinha, Nenê (Renato) e Tengo (Eduardo); Dinho, Maçarico, Edinho (Paulinho) e Ailton; Neizinho e Joãozinho Maloqueiro (Mabel).

Técnicos: Português e Darlan.

Comando E.F. – Beto, Lapetina (Dog), Paulo Cesar, Carlinhos e Bira (Divalmir); Dago, Nina (Lanza), Paulinho Expresso e Kena (Wagner); Paulo Leme e João Carlos.

Técnicos: Emilinho e Mário Lúcio.

Neizinho atacante do Largo São Bento foi o artilheiro do campeonato com 18 gols marcados.

A defesa do Largo foi a menos vazada com 9 gols em todo o campeonato e Junior levou o troféu de melhor goleiro. Arbitragem de Camelo auxiliado por Luizinho e Luís Fernando.

 

 

 

Gostou? Então deixe um comentário!

A Tribuna

O guardião da várzea santista

Login


who's online