Canto do Rio campeão cinquentão de SV.

DSC01730a

 

O time do Canto do Rio Futebol Clube é o novo campeão Vicentino de Futebol na categoria cinquentão. Em jogo realizado domingo dia 23 de março no campo da A.A. Ferroviária enfrentou e venceu a forte equipe da Sociedade Esportiva Pérola Negra do bairro Cidade Náutica por dois a um. No campo encharcado e com muitas poças d’água por causa das chuvas ocorridas no sábado prevaleceu a raça de alguns jogadores sobre a qualidade técnica de outros e a melhor adaptação dos jogadores do Canto do Rio acabou com a vitória e o título de campeão.

O jogo:

Logo aos dois minutos ataque do Canto do Rio, um chute forte de Cenoura e Papine desvia para escanteio. Na sequência o Pérola deu o troco numa cobrança de falta de Ticó que obrigou Junior a fazer boa defesa. Aos seis minutos novamente o Canto do Rio leva perigo ao gol do Pérola, cobrança de escanteio e Célio livre cabeceia para fora. Aos dezoito minutos o primeiro gol do jogo, Jorge Vitor com a bola dominada arrisca o chute ao gol e no caminho Barbosa tenta interceptar mas o desvio leva a bola para as redes, Canto do Rio um a zero. O empate do Pérola aconteceu aos vinte e sete minutos numa cobrança perfeita de falta de Pipoca. Ainda no primeiro um chute a gol para cada time levou perigo aos goleiros Junior e Papine.

No segundo tempo aos vinte minutos aconteceu o gol da vitória do Canto do Rio, numa cobrança de escanteio pela direita Cenoura cruza alto e Birruga antecipa ao goleiro Dagoberto que havia substituído Papine e desvia para a rede, Canto do Rio dois a um. Cinco minutos depois grande chance de empate teve o Pérola, o seu artilheiro Pipoca entrou livre na área e tentou encobrir Junior que saia para fechar o ângulo, e este num puro reflexo desviou com a ponta dos dedos. Nos minutos finais o ataque do Pérola pressionou bastante a defesa do Canto do Rio mas não conseguiu sucesso.

Times:

Canto do Rio F.C. – Junior, Baruel, Cocada, Nenê e Marcelo; Ticão (Zé), Maçarico, Birruga e Cenoura; Jorge Vitor e Célio.

S.E. Pérola Negra – Papine (Dagoberto), Vado, Renato, Barbosa e Naldinho; Coxinha, Bala, Lica (Paulinho) e Zé Carlos Vitor (Edson Popó); Pipoca e Ticó.

O artilheiro do Torneio foi Pipoca do Pérola Negra com nove gols e o goleiro menos vazado foi Junior do Canto do Rio.

 

Gostou? Então deixe um comentário!

A Tribuna

O guardião da várzea santista

Login


who's online